Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Cotidiano

“Os católicos nem sentem falta”, diz página da Assembleia de Deus sobre reabrir igrejas

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Católicos e evangélicos discutem por causa do fechamento dos templos durante pandemia

O fechamento dos templos religiosos para realização de cultos, missas e outras atividades por causa da pandemia de coronavírus tem gerado uma discussão entre vários segmentos do cristianismo e demais religiões.

Enquanto grande parte dos evangélicos defendem que os templos sejam reabertos para a realização de cultos, a Igreja Católica de Rio Branco se pronunciou através de nota afirmando que é a favor que as igrejas permaneçam fechadas para evitar ainda mais contaminações pela Covid-19 no Acre.

Diante do posicionamento da Diocese de Rio Branco, a Assembleia de Deus São Mateus, no Acre, publicou uma declaração polêmica em suas redes sociais nesta terça-feira (21).

“Ela (a diocese) que fique fechada, os católicos nem sentem falta; tanto faz como tanto fez. Os cristãos, os evangélicos, os servos de Deus querem cultuar, E ISSO TEM QUE SER FEITO NO TEMPLO. Salmos 134:1 Bendigam o Senhor, todos vocês, servos do Senhor, que se encontram na Casa do Senhor nas horas da noite. 2 Levantem as mãos para o santuário e bendigam o Senhor”, escreveu o administrador do perfil da igreja no Facebook.

A publicação causou polêmica e muitos católicos se pronunciaram repudiando a declaração da AD São Mateus.

“Quanta ignorância e falta de respeito. Lamentável para se diz ‘servo de Deus’. Cada um tem sua opinião sobre isso. Mas você foi infeliz em dizer que ‘Os católicos nem sentem falta; tanto faz como tanto fez’, diz o católico Kelton Pinho.

O internauta Railton Correia defendeu a posição da Igreja Católica: “A Diocese de Rio Branco, agindo com respeito com seus fiéis”, escreveu.

Já Adalberto Paulino Sousa criticou a decisão da Diocese: “Se a Diocese tem muito dinheiro na conta que fique fechada, quem não tem precisa trabalhar para sobreviver”, disse.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas