Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Economia

Energisa pede empréstimo para compensar perda de receitas durante pandemia

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Aneel informou que a ainda está consolidando as informações que as distribuidoras encaminharam para divulgar os valores do empréstimo.

Após a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovar, no final de junho, um socorro financeiro a empresas do setor elétrico por meio de um empréstimo bancário, com o programa Conta-covid, a Energisa no Acre foi uma das 50 concessionárias a fazer pedido de empréstimo. O valor ainda deve ser divulgado.

“Os valores por concessionária ainda não estão disponíveis. A Agência está consolidando as informações que as distribuidoras encaminharam. Enviaremos quando tivermos as informações”, informou a assessoria de comunicação da Aneel.

O valor valor máximo concedido pela Aneel é de R$ 16,1 bilhões. E até o dia 6 de julho já tinham sido disponibilizados R$ 14,8 bilhões para 50 distribuidoras, incluindo a Energisa Acre. Ao todo são 53 distribuidoras em todo país.

A maior parte desses recursos vai servir para cobrir um buraco financeiro no setor elétrico causado pela queda no consumo de energia e aumento da inadimplência durante a pandemia do novo coronavírus.

O G1 pediu o levantamento das perdas de receitas da Energisa, mas até a última atualização desta reportagem não obteve resposta.

A Aneel informou que o empréstimo beneficia a distribuidora e também os clientes, já que adia a cobrança de custos que seriam incluídos nas contas de energia ainda neste ano e que seriam pagos nos próximos 12 meses e que levariam a um aumento médio de 11,5% nas tarifas de energia. Com a conta-covid, o valor deve ser distribuído em um prazo de 65 meses.

Com a adesão das distribuidoras, o próximo passo é o despacho da Aneel aprovando o valor total do empréstimo e a minuta dos contratos a serem celebrados. Os valores acordados no empréstimo, estão previstos para ocorrer até o final deste mês.

G1

Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas