quinta-feira, outubro 21, 2021
33.3 C
Rio Branco
quinta-feira 21 outubro 2021

Sobrinha contesta versão da Adufac e diz que professor morreu de pneumonia e não Covid

POR

A jovem Vivianny Galvão, sobrinha do professor de História da Ufac, Márcio Roberto, contestou a informação divulgada pela Associação dos Docentes da Ufac (Adufac) de que sue tio faleceu vítima de Covid-19.

Vivianny explica que Márcio já estava doente há um bom tempo e lutava contra uma pneumonia. Ele não resistiu e morreu na UPA do Segundo Distrito.

“Meu tio morreu de pneumonia. Como ele foi para UPA do Segundo Distrito. Muitas pessoas acreditaram que foi por Covid, mas o exame dele deu negativo. Ele tava doente há um tempo já”, diz.

A Adufac chegou a emitir uma nota afirmando que a morte do professor foi causada pelo novo coronavírus.

NOTA DE PESAR

É como imenso pesar que a Associação dos Docentes e das Docentes do Acre comunica o falecimento do estimado professor Márcio Roberto, neste domingo, dia 17 de maio. Márcio era docente da Universidade Federal do Acre do curso de História. Ele é mais uma vítima da covid-19.

A sua valorosa contribuição e o seu espírito alegre farão com que esteja sempre presente entre nós.

Aos familiares e amigos, as condolências da Adufac e da comunidade acadêmica.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img