Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Cotidiano

Prefeitura segue trabalhando no combate à dengue e número de casos reduz em 69%, em relação ao ano passado

Redação Folha do Acre

Publicado

on

A Prefeitura de Rio Branco segue em ritmo intenso com frentes de trabalho no combate ás doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti (dengue, zika e chikungunya). Como resultado desse esforço, o número de casos de dengue, em Rio Branco, vêm caindo consideravelmente desde o início do ano.

Dados da Vigilância Epidemiológica de Rio Branco dão conta de que o número de casos de dengue continua caindo, em relação ao ano passado. Até o dia 11 de abril haviam 958 notificações, que representam uma redução de 69% quando comparado ao mesmo período em 2019, quando foram notificados 3.153 casos suspeitos na capital acreana.

Na primeira semana do mês de abril, os bairros que registraram maior número de casos foram Bahia Nova, Conquista e Vila Acre, respectivamente. Todavia é preciso que a população continue em alerta para os cuidados com os quintais, pois o Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) mostra que Rio Branco está em situação de risco de surto.

“O nosso alerta à população é principalmente para que as pessoas não esqueçam da dengue, por conta da pandemia do coronavírus. Quem está em casa, pode aproveitar para cuidar da limpeza dos quintais retirando tudo que pode acumular água parada. Os agentes de saúde seguem realizando as visitas e vistoriando terrenos, casas e prédios públicos, mas os moradores precisam continuar fazendo sua parte”, disse a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Socorro Martins.

O LIRAa também mostrou que as caixas d’água estão em primeiro lugar entre os criadouros da larva do mosquito, representando mais de 59% deles.

Ascom

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas