Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Útilmas notícias

Nicolau destaca importância do isolamento social para conter coronavírus: “Não podemos baixar a guarda”

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Preocupado com o aumento de casos confirmados de coronavírus no Acre, o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (PP), destacou na sessão online desta terça-feira (14) a importância do isolamento social.

O aumento de 13 casos é o maior número já registrado em apenas um dia no Acre. Atualmente, o número total de contaminados é de 90 pessoas. Os dados foram confirmados pelo boletim da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) na tarde da última segunda-feira (13).

Segundo o progressista, as medidas de distanciamento social como forma de conter a pandemia precisam ser respeitadas pela população. “O isolamento social é uma das principais recomendações da Organização Mundial da Saúde, nós precisamos seguir à risca essa medida. Os casos estão aumentando no Estado, então quem puder, por favor fique em casa”, disse.

Vale ressaltar que os deputados estaduais têm se reunido de modo remoto. Além disso, a maioria dos servidores legislativos foi colocada em regime de teletrabalho.
O presidente da Aleac frisou ainda que para garantir o funcionamento do Parlamento Acreano, há uma escala mínima de funcionários em expediente presencial.  

“Vamos continuar no caminho do isolamento, essa é a melhor forma de evitar o contágio. Nós temos trabalhado junto ao Executivo para garantir que os prejuízos sejam os menores possíveis”, complementou o parlamentar.

Durante as reuniões e sessões remotas, os deputados estaduais continuam analisando e votando projetos de lei que visam auxiliar o estado no enfrentamento à Covid-19. Os parlamentares já aprovaram os decretos que reconhecem que 13 municípios acreanos estão em calamidade pública em razão da pandemia do coronavírus.

As cidades de Senador Guiomard, Bujari, Santa Rosa, Xapuri, Marechal Thaumaturgo, Jordão, Rodrigues Alves e Capixaba ainda não decretaram situação de calamidade pública ou de emergência por causa da pandemia.

Já ó decreto de calamidade pública do município de Porto Walter será votado na quarta-feira (15).

Agência Aleac

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas