Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Médico descarta morte por coronavírus e diz que garota que morreu no PS teve choque séptico

Redação Folha do Acre

Publicado

on

O médico do Hospital Regional de Extrema, Maryson Ribeiro, que fez os primeiros atendimentos a adolescente Juliana Dias, 13 anos, moradora do distrito de Nova Califórnia e que foi conduzida a Extrema e depois encaminhada para Rio Branco, descartou que a paciente tenha falecido por contaminação de coronavírus.

Maryson conta que a direção do hospital de Extrema teve acesso ao atestado de óbito da garota que registrou quadro de infecção generalizada causa por uma infecção urinária.

“A paciente teve um quadro de choque séptico causado por um quadro que evoluiu depois de uma infecção urinária”, conta o médico.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas