Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Política

Gladson amplia lista de estabelecimentos que podem abrir durante isolamento; motéis estão liberados

Redação Folha do Acre

Publicado

on

O governador do Acre, Gladson Cameli (PP), reeditou o decreto que proíbe que setores comerciais do Acre abram as portas durante o período de isolamento social determinado pelo próprio governo do Estado.

De acordo com publicação na edição do Diário Oficial do Acre, as mudanças no decreto aumenta a lista de empreendimentos que deve ficar fechados durante a quarentena.

A decisão partiu após reunião de representantes do governo com empresários e membros de entidades comerciais do estado.

Segundo o novo decreto, podem continuar funcionando os estabelecimentos médicos, hospitalares, farmacêuticos, veterinários, psicológicos e odontológicos, os laboratórios de análises clínicas e as clínicas de fisioterapia.

As empresas que participem, em qualquer fase, da cadeia produtiva, da distribuição de produtos e da prestação de serviços de primeira necessidade para a população, tais como alimentos, medicamentos, produtos de limpeza e higiene, água, gás, combustíveis, entre outros, estão liberadas para funcionar.

Outros setores do comércio que podem continuar funcionando durante o isolamento são: transporte fluvial em balsas, restaurantes localizados em rodovias, oficinas localizadas em rodovias, agropecuárias, lavanderias, borracharias, call center, chaveiros, bancos e lotéricas, construção civil, hotéis, para os clientes já hospedados ou para novos, desde que no interesse da administração pública, motéis, funerária, telecomunicações e manutenção de redes elétricas e de telefonia e internet.

Empreendimentos como óticas, concessionárias de veículos, oficinas mecânicas urbanas e petshops devem atender seus clientes mediante a agendamento e redução no número de funcionários no local.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas