Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Acisa diz que Estado precisa de medidas emergenciais para combater coronavírus e desaquecimento econômico

Redação Folha do Acre

Publicado

on

O presidente da Associação Comercial – Acisa, Celestino Oliveira, divulgou, na tarde desta terça-feira, 17, o posicionamento da entidade diante das incertezas causadas pela pandemia do Coronavírus no estado. Segundo ele, a Diretoria Executiva reconhece que este é um momento de crise e que é necessário estar atento a todas as informações sobre a pandemia, que vem crescendo rapidamente em escala global.

A Diretoria está bastante preocupada com a situação econômica do estado, com os riscos de desabastecimento de produtos essenciais e de paralisação de alguns segmentos. O presidente reconhece que o coronavírus está mexendo com a euforia do mercado, que a situação é séria, e medidas emergenciais precisam ser tomadas, pois algumas atividades vão paralisar, resultando assim em um possível colapso econômico que pode vir a curto prazo.

“Este é o momento de prevenção. Esperamos um posicionamento mais contundente e objetivo por parte do Governo do Estado para administrar esta situação. Entendemos, enquanto entidade, que existe a necessidade de uma injeção de liquidez no mercado, como exemplo, a antecipação do décimo terceiro dos servidores públicos, que em outra ocasião serviu de ânimo para o mercado. A ideia seria buscar alternativas viáveis para que o dinheiro volte a circular, pensando na manutenção deste período caótico”, disse.

Ontem, a Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre) confirmou os três primeiros casos do novo coronavírus no Estado.

A entidade empresarial sugere que o governo precisa intervir, aumentando a fiscalização nas fronteiras, entradas da cidade, aeroportos e rodoviárias, de forma dinâmica para que o coronavírus não se propague. “É preocupante, alarmante, pois o estado não tem estrutura para suprir uma demanda desta natureza, e se pandemia se alastrar no Acre, será muito complicado”, finaliza.

Assessoria

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas