Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Política

Gladson diz que pensa igual governador do RJ e sinaliza com ‘carta branca’ para polícia matar bandidos

Anderson Bodanese

Publicado

on

O governador Gladson Cameli (PP) afirmou na manhã deste domingo (9), durante reunião emergencial para tratar do que denominou de “criminalidade violenta”, que sempre pensou em reprimir a violência da mesma forma que pensa o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, que defende o “abate de bandidos” e tem falas polêmicas como a que disse que a polícia tem que mirar só na cabeça e atirar.

“Sempre pensei da mesma forma que ele. Só não tinha dito isso antes”, diz o governador do Acre.

Cameli afirmou ainda que irá trabalhar pela segurança jurídica dos policiais que atentem contra a vida de criminosos.

“Vamos garantir a segurança jurídica das nossas polícias. Eles precisam trabalhar com essa segurança”, diz.

Gladson afirmou ainda que a violência não continuará desenfreada como está e pediu ajuda de toda a sociedade, mas não explicou de que forma seria essa ajuda.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas