Secretário de Segurança diz que Estado tem controle da situação e que imprensa impõe cultura do medo

0
1400

O secretário de Estado de Segurança Pública do Acre, Paulo César, afirmou em coletiva na tarde de segunda-feira (27) que o estado do Acre não está dominado pela violência e que está tudo sob controle e sugeriu que a imprensa tem imposto a cultura do medo ao divulgar matérias sobre crimes e facções.

Paulo Cézar desmitificou a violência que impera na Cidade do Povo contando que foi lá com carro descaracterizado e saiu ileso.

“Não é bem assim também não. Fui lá na Cidade do Povo de forma descaracterizada (que não soubessem que ele é o secretário de Segurança) e nada me aconteceu”, frisou.

Paulo César manteve o ritmo da entrevista pedindo para que a imprensa divulgue as ações positivas do governo e frisou que não é para infundir a cultura do medo, dando a entender que as matérias jornalísticas sobre execuções prejudicam a sociedade.

“O que não pode é divulgar a cultura do medo, do pânico. Temos muitas ações positivas para divulgar”, frisou minimizando as 37 mortes violentas registradas nos primeiros 27 dias de governo.