Acre volta a ter saldo negativo e fecha 559 postos de emprego em dezembro

Serviço puxou queda nas vagas de emprego em dezembro do ano passado no estado acreano.

0
336

O Acre teve um saldo negativo na geração de emprego em dezembro de 2019. O estado acreano encerrou o último mês do ano com 559 vagas de emprego a menos.

Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), que mostram que foram 1.539 mil admissões contra 2.098 mil demissões. No Brasil, mais de um milhão de pessoas perderam o emprego em dezembro do ano passado. O total de admissões foi de 990.848 mil.

Se comparado ao mês de novembro, o saldo de postos de emprego entre os dois meses é positivo. Isso porque o mês de novembro terminou com 613 postos a menos.

Ainda segundo o estudo, o setor de serviço foi o que puxou a queda em dezembro, com 243 postos a menos de trabalho. Em seguida, o setor de comércio também registra uma baixa de 160 vagas.

O Caged aponta que apenas o setor da administração pública não teve alteração. O setor teve uma contratação e um desligamento no mês de dezembro.

A cidade que mais apresentou perdas no mercado de trabalho foi Rio Branco, com 1.677 demissões. Em seguida, aparece Cruzeiro do Sul, com 148 postos a menos, e Sena Madureira, com 52.

Dados de 2019

Caged mostra ainda o total de admissões e desligamentos no Acre durante todo ano de 2019. Em dados gerais, o Acre terminou o ano com saldo positivo no total de vagas, com 343.

Em 2019, cerca de 24.922 mil pessoas foram contratadas. Já o número de desligamentos foi de 24.579 mil, resultado em 343 vagas.

G1